Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

04/07/2017

# Eu li, e você? # 105

Título: A Mensageira da Morte
Autora: Vivianne Sophie
Número de páginas: 310
Ano: 2017
Editora: Multifoco

* Exemplar cedido em parceria com a autora.

O prólogo se passa no Antigo Egito, mais precisamente no século VI, onde somos apresentados a uma situação um tanto quanto assustadora: uma entidade demoníaca se apossa do corpo de uma serva chamada Zara, desenvolvendo nela poderes capazes de definir o destino das pessoas que cruzam seu caminho, causando assim, mortes e destruição por onde passa.

Azib, seus irmãos e a Sociedade de Ankh se unem para capturar Zara e expulsar a tal entidade. Para fazê-lo, é necessário um ritual delicado e o segredo ser guardado a sete chaves...

Há, então, um salto na narrativa, agora ambientada em Londres no ano de 2014, onde conhecemos Alana Price, uma jovem de 15 anos que sofre constantemente com a ausência dos pais. Ela e o irmão mais novo ficam aos cuidados dos tios, enquanto os pais, que são arqueólogos, embarcam em mais uma viagem para o Egito. Sete dias depois, chega a notícia de que eles faleceram durante as escavações. Agora, a vida dos dois irmãos tomará rumos diferentes em função do testamento deixado pelos pais e, conforme a protagonista se adapta à nova vida na casa da avó em Winscoin e longe do irmão que ficara sob tutela dos tios, percebemos que há algo de intrigante em Alana que se agrava quando ela descobre que em sua nova escola houve um assassinato. Conforme o clima na cidade fica tenso e mais coisas estranhas começam acontecer, como mortes aparentemente inexplicáveis, Alana passa a ter visões e ouvir vozes dando-lhe ordens que beiram à insanidade. Pelo menos ela sente encontrar certo conforto, amizade e segurança na presença de James, o bad boy misterioso e filho da prefeita da cidade, cujo papel é surpreendente na narrativa.


Simultaneamente a tantos acontecimentos, somos apresentados à tradicional família Storm, descendente de egípcios e dos fundadores de Winscoin, envolta de mistérios e segredos, cujos irmãos Aisha e Logan acabam se tornando muito próximos de Alana e a ajudarão a procurar respostas que quebrem a maldição da Mensageira da Morte. A aventura só está começando quando Logan decide embarcar com Alana rumo ao Egito, levando o leitor a perceber que cada peça possui encaixe fundamental nesse grande quebra-cabeça, cuja continuação está no próximo livro da trilogia, A Joia de Anúbis.

Fecho os olhos e deixo as lágrimas me inundarem, penso em meus pais e no quanto eu gostaria de poder conversar com eles. Imagino se minha mãe ficou sabendo que ao desenterrar Zara, pode ter me amaldiçoado para sempre. O que era para ser a descoberta da vida dela se tornou o meu maior pesadelo.

Você precisa lutar contra isso, Alana. Nunca se conforme com o que lhe foi imposto, só você é dona dos seus próprios caminhos. 

Os personagens são muito bem construídos e o enredo, apesar de misterioso e rico em detalhes, não perde a essência e nem as amarras necessárias para fisgar o leitor da primeira à última página. Confesso que fiquei meio desesperada com o desfecho do livro, pois muitos dos mistérios e conflitos serão desenvolvidos apenas no segundo volume que ainda não foi lançado.

A maneira com que a autora brinca com o leitor, criando armadilhas e tornando-o refém dos acontecimentos junto com a protagonista, me deixou muitas vezes sem ar e com o coração na mão! Me senti muito envolvida com a história e recomendo a todos que gostam de suspense, mistério, fantasia, terror e que são apaixonados pelo Antigo Egito, assim como eu.


CLASSIFICAÇÃO:


ÓTIMO!


12 comentários :

  1. Olá! Tudo bom?
    Primeiramente tenho que falar sobre essa capa, está linda demais, eu simplesmente amei, depois esse título me instigou demais, e sua resenha me deixou ainda mais louca para ler.
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou!
      Espero que tenha a oportunidade de ler em breve.

      Beijo

      Excluir
  2. oi tudo bem?
    A edição desse livro parece está muito linda, ele encheu os meus olhos logo pela capa, tenho muito interesse de lê-lo.
    Com esta resenha já da a impressão de uma história que te prende até o fim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso realmente acontece.
      O livro é maravilhoso! *-*

      Excluir
  3. Achei a premissa deste livro muito diferenciado.... Fiquei realmente curiosa....
    Fora a capa que é muito bonita.
    Não conhecia a obra nem a autora, mas fiquei bem interessada em reverter essa situação... :D

    beijinhos!!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana!
      Então não perde mais tempo, corre logo adquirir o seu e viajar pelo desconhecido junto com Alana Price!

      Excluir
  4. Olá, tudo bem? Realmente essa capa é de tirar o fôlego de tão bonita. Somado a premissa instigante e sua resenha, torna-se um prato cheio para mim. Adorei as suas palavras, e elas me despertaram mais interesse ainda. Conheço a Vivianne de nome da blogosfera e acho muito merecido seu lançamento. Adorei <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Carol!
      Seu comentário me deixa muito lisonjeada.
      Espero que tenha a oportunidade de ler o livro.

      Beijo

      Excluir
  5. Olá!
    A capa desse livro é maravilhosa e já quis adquirir só por causa disso. Amo histórias que se passa no Egito e fiquei muito interessada para ler e conhecer os personagens.
    Sua resenha está maravilhosa.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suh!
      Fico feliz que minha resenha tenha despertado seu interesse pelo livro. Espero que aprecie a leitura tanto quanto eu.
      Beijo

      Excluir
  6. Oi Milena.

    Sua resenha conseguiu aumentar minha curiosidade pela história. Além de ter uma capa linda, saber que os personagens são bem construidos e ter um enredo no Egito Antigo, não deixa duvidas que preciso conferir essa história. Valeu demais pela dica.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kênia!
      Que bom que você gostou. Depois de ler me conta o que achou, ok?

      Beijo

      Excluir